quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Para TI


Entro nesta sala em forma de quadrado encosto me a um canto, deslizo na parede ate ao chão, sento-me, a única coisa que ouço é o tic tac do relógio nada mais que isso.
Olho em frente, como se olha-se para o infinito, com aquele olhar vago e perdido. Sinto algo a escorrer-me na cara e sinto, sinto com as pontas dos dedos o que é… uma lágrima… choro, choro sem saber porque mas choro, não sinto dor, não sinto nada, não me sinto…
Apenas trago comigo uma coisa que não largo, uma rosa vermelha com um beijo numa das pétalas, coloco-a junto do coração e uma das minhas lágrimas cai sobre a pétala então paro de chorar, levanto a cabeça e sinto, sinto finalmente algo, uma dor, um aperto no coração é como se estivesse a ser apertado por uma mão forte que quase o esmaga.
O silêncio é quebrado finalmente por duas palavras: “Tenho saudades!”
As palavras desaparecem novamente no silêncio, olho em redor e o que vejo? Nada absolutamente nada, as paredes estão brancas tal como eu estou branca por dentro, não tenho nada em mim, nada para dar aos outros, a única coisa que tinha perdi (o sorriso) já nem isso tenho.
Ergo-me, como se fosse uma folha de papel branco que caíra, olho para cima e grito: “TENHO SAUDADES TUAS!”
Saio pela porta, de rosa na mão em direcção à escuridão e desapareço, mas deixo para traz uma marca da minha passagem, aquela pétala ficou naquela sala com a união daquele beijo e daquela lágrima…

Dedico-te cada uma destas palavras….
Tenho saudades tuas…

1 comentário:

Baunilha disse...

AMO-TEE! Ouviste???? AMO-TE
Também sinto tantas saudades tuas, fazes-me falta, és tão essencial, és a mulher que eu amo. Correram-me as lagrimas pela cara quando li o que escreves-te, sim eu sei que tu sabes porque viste. É tão desesperante não poder estar contigo, mas a vontade de vir a estar, a certeza de que vou estar dá-me força para lutar por nós. Eu sinto-me tão amada, tão unica, tão realizada a teu lado. TENHO ORGULHO EM SERES MINHA NAMORADA, em ter uma pessoa tão fantástica a meu lado, ter encontrado aquela pessoa que além de sentir que amo estou disposta a amar e por quem luto. E se em alguns dias o coração está quase esmagado de tão apertado, há outros em que ele está gigante e inchado d tanta alegria. Tudo o que já sofri ou sofro apagasse ou desvanece nos momentos em que estou contigo, te ouço e me fazes sentir tão feliz tão unica, a partilha faz com que qualquer obstáculo à partida tão complicado se torne coisa minima.